fbpx

Aprovada Lei que transforma Fernandópolis em Município de Interesse Turístico

Assembleia Legislativa aprova Lei que torna Sud Mennucci Município de Interesse Turístico

A Assembleia Legislativa de São Paulo aprovou nesta quarta-feira, 10 de abril, o Projeto de Lei que transforma Fernandópolis em Município de Interesse Turístico (MIT). Com a nova classificação município receberá cerca de R$ 600 mil por ano para investir no turismo.

 

 

O deputado Itamar Borges, líder do MDB na Assembleia Legislativa, é coautor da Lei que cria os Municípios de Interesse Turístico.

 

 

“Este é um reconhecimento ao potencial turístico do município. O turismo movimenta a economia do município, gera emprego e renda e contribui para o desenvolvimento regional. A Lei que cria os municípios de Interesse Turístico é um grande salto e fortalecimento do setor em nosso Estado”, disse o deputado Itamar Borges.

 

 

Fernandópolis é reconhecida por suas águas termais, que naturalmente brotam da fonte com temperatura de 59ºC. A cidade é conhecida por seu setor hoteleiro com várias piscinas aquecidas naturalmente pelas fontes de águas quentes e também pelos seus restaurantes com pratos da culinária regional.

 

 

A cidade receberá cerca de R$ 600 mil por ano do Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias (DADE), que deverá ser investido em programas de melhoria e preservação ambiental, urbanização, serviços e equipamentos turísticos.

 

 

Com o modelo de classificação de Estâncias e Municípios de Interesse Turístico, as cidades mais bem preparadas poderão mudar de classificação e aumentar o valor recebido pelo Estado.

 

 

A Lei segue agora para sanção do governador Márcio França.

 

Assessoria de Imprensa

Compartilhar